Tocantins 32° C

Sebrae e Senar firmam parceria para elaboração do projeto Agro Futuro

Encontro aconteceu na última segunda-feira, 31.

Thomas Hessel - Palmas, TO

04/06/2021

| Atualizado em

09/06/2021

104

Sebrae e Senar firmam parceria para elaboração do projeto Agro Futuro

Palmas, TO - O Sebrae e o Senar firmaram no dia 31 de maio uma parceria para execução do Projeto Agro Futuro.  O documento foi assinado pelo superintendente do Sebrae, Moisés Gomes; a diretora técnica do Sebrae, Eliana Castro; o presidente do Senar, Paulo Carneiro, e a superintendente do Senar, Rayley Guida de Souza, durante a programação do Encontro com Conselho de Representantes, Parceiros e Mobilizadores.

O objetivo da parceria é unir esforços entre as duas instituições para a formalização do Projeto Agro Futuro, que tem como foco promover ações estratégicas para o desenvolvimento dos pequenos negócios rurais, através de transferência de tecnologia, regularização fundiária e adequação ambiental da propriedade rural.

De acordo com o superintendente do Sebrae, Moisés Gomes, o Agro Futuro irá fomentar o empreendedorismo rural, a geração de renda, a gestão dos negócios e o acesso ao crédito rural, para que os produtores rurais conquistem a sustentabilidade e o crescimento no mercado do agronegócio.

A diretora do Sebrae, Eliana Castro, completou, afirmando que as duas instituições irão oferecer ainda mais desenvolvimento e tecnologia para os produtores rurais. “Por meio da transferência de tecnologia, será possível promover a regularização fundiária e a adequação ambiental dos negócios que serão impactados pelo Agro Futuro, além do aumento da produtividade”, pontuou.

O presidente do Senar, Paulo Carneiro, destacou a importância desse tipo de ação para os produtores e sindicatos rurais. “A caminhada ao lado do Sebrae vai ajudar muitos pequenos empresários do agronegócio, pois temos o mesmo objetivo: tornar o pequeno negócio cada vez mais tecnológico e inovador”, afirmou.

Para a superintendente do Senar, Rayley Guida de Souza, por meio da parceria será possível promover um ambiente mais produtivo para a agricultura familiar, com destaque para a mulher do campo. "Este será apenas o primeiro passo de muitos que nós daremos de mãos dadas em prol do agronegócio”, concluiu.