Tocantins 39° C

Governo do Tocantins alinha parceria com Unicef

O planejamento das instituições envolvidas visa aumentar o engajamento dos municípios no processo de na identificação e no acompanhamento de alunos

Thomas Hessel - Palmas, TO

30/08/2021

| Atualizado em

02/09/2021
Governo do Tocantins alinha parceria com Unicef

Palmas, TO - A Superintendente de Educação Básica da Secretaria de Estado da Educação, Juventude e Esportes (Seduc), Markes Cristiana, participou de reunião com representantes do Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) e da União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime), nesta segunda-feira, 30, na sede da Pasta. A reunião teve como foco a execução de ações junto aos municípios para fortalecimento da adesão à Busca Ativa Escolar.

A superintendente Markes falou sobre os projetos que serão desenvolvidos em parceria com o Governo do Estado para que os 139 municípios tenham acesso às estratégias do Projeto.

"O Tocantins tem desenvolvido um trabalho bem articulado junto aos municípios no processo de Busca Ativa Escolar, e esse apoio estratégico da UNICEF é crucial para mobilizarmos ainda mais pessoas no processo de engajamento dos estudantes e das comunidades escolares. Nossos próximos passos são a formação da equipe com profissionais da Seduc e das Diretorias Regionais de Educação,  além da realização de formação EAD, e alinhamento de um comitê gestor", ponderou.

Já Nayana Goes, consultora para Educação e Proteção do UNICEF, pontuou a importância do envolvimento dos municípios. “A Busca Ativa Escolar é uma metodologia social e uma plataforma digital gratuita, usada como estratégia que apoia os municípios na identificação, acompanhamento e monitoramento dos adolescentes que estão fora da escola, visando a reinserção desses estudantes no espaço escolar. E no final de cada ciclo é um importante banco de dados para que o município consiga visualizar as principais causas de exclusão escolar e a partir disso direcionar os esforços e propor políticas publicas”, destacou.



Busca Ativa Escolar

A plataforma Busca Ativa Escolar é gratuita e foi desenvolvida pelo Unicef, em parceria com a União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime), o Colegiado Nacional de Gestores Municipais de Assistência Social (Congemas) e o Instituto TIM. O programa foi concebido para apoiar os governos na identificação, no registro, no controle e no acompanhamento de crianças e adolescentes que estão fora da escola ou em risco de evasão. Por meio da Busca Ativa Escolar, municípios e estados terão dados concretos que possibilitarão planejar, desenvolver e implementar políticas públicas que contribuam para a inclusão escolar.

A iniciativa reúne representantes da Educação, Saúde, Assistência Social e Planejamento, dentro de uma mesma plataforma. Cada pessoa ou grupo tem um papel específico, que vai desde a identificação de uma criança ou adolescente fora da escola até a tomada das providências necessárias para a matrícula e a permanência do aluno na escola. Todo o processo é feito pela internet e a ferramenta pode ser acessada em qualquer dispositivo como computadores de mesa, computadores portáteis, tablets, ou celulares (smartphones). Há também formulários impressos para agentes comunitários e técnicos verificadores que não têm acesso a dispositivos móveis.