Tocantins 32° C

‘Tsé’ mostra como polonesa fugiu do campo de extermínio

Szpiegel tinha 14 anos jogada pela própria mãe de um trem a caminho de um campo de extermínio

Fernando Hessel - Palmas, TO

18/09/2019

| Atualizado em

18/09/2019

1886

‘Tsé’ mostra como polonesa fugiu do campo de extermínio

Palmas, TO - Com dez filmes em cartaz, o Cine Cultura apresenta uma programação para todos os gostos, válida do dia 19 a 25 de setembro. As exibições começam nesta quinta-feira, 19, às 17 horas, com o documentário brasileiro ‘Tsé’, vencedor do Excellence Award do Festival Docs Without Borders 2019. Produzido por Fábio Kow, o longa conta a história de Tsecha Szpigel, uma menina sobrevivente do nazismo que conseguiu chegar ao Brasil.

 Auschwitz

Tsecha Szpigel foi uma judia nascida na Polônia que migrou para o Brasil (1949). Contada pela própria Tsé e família a sua jornada começou quando a mãe dela a jogou de um trem a caminho de um campo de concentração nazista.


A grade de filmes ainda conta com cinco títulos da Mostra de Cinema Espanhol, uma parceria entre o Escritório Cultural da Embaixada da Espanha e a Fundação Cultural de Palmas (FCP). As sessões têm entrada gratuita e os ingressos serão distribuídos na bilheteria uma hora antes de cada filme, sujeito à lotação da sala.

Cinema nacional em evidência

Além do documentário ‘Tsé’, a programação do Cine Cultura conta com mais três títulos nacionais: ‘Bacurau’, ‘Simonal’ e ‘Os Jovens Baumann’.

Aclamado pela crítica e premiado em diversos festivais de cinema pelo mundo (Cannes, Munique, Lima e Sydney), ‘Bacurau’ tem exibições nos dias 19, 20, 21, 22 e 25.