Tocantins 30° C

Terceiro dia do 14º FGT é marcado por início da avaliação de pratos

Avaliação acontece na Cozinha Gourmet montada na sede da Agtur.

Thomas Hessel - Palmas, TO

09/10/2020

| Atualizado em

09/10/2020
Terceiro dia do 14º FGT é marcado por início da avaliação de pratos

Palmas, TO - Caipira do cerrado, Pirarucu à lagareiro, Bobó terra do sol, Californiana e TBÊ SDAKROWA, também conhecido como Peixe sol marcaram a primeira parte das apresentações das categorias não comercializáveis do 14º Festival Gastronômico de Taquaruçu (FGT) na manhã desta quinta-feira, 08. A avaliação dos pratos das categorias ‘Pratos Salgados’, ‘Comidinhas Salgadas’, ‘Pratos Doces’ e ‘Foods Trucks’ aconteceu na cozinha gourmet montada na sede da Agência Municipal de Turismo (Agtur). A premiação acontecerá nesta sexta-feira, 09, às 19 horas, no Centro de Convenções Parque do Povo Arnaud Rodrigues.

Na parte da tarde foi a vez de mais cinco pratos: Enfornado de mandioca com chambari e caju, Showcante burguer, Oxente burguer, Tostada com coalhada de castanha e Jacajá.

Ao todo, 19 participantes apresentam seus pratos sem poder comercializá-los em decorrência da pandemia do novo coronavírus (Covid-19). A única categoria comercializável é a ‘Rota Gastronômica’, pois se enquadra no Decreto Municipal Nº 1.903, que prevê a abertura de bares e restaurantes.

Os pratos de hoje trouxeram ingredientes tradicionais da culinária tocantinense como leite de coco babaçu, mandioca, taioba, pirarucu, cabotiá, castanha de caju, leite de coco de macaúba, cuscuz, banana, jaca, paçoca e abacaxi.

Durante a apresentação dos pratos, os jurados avaliam a valorização dos ingredientes culinários regionais e a criatividade na elaboração dos pratos, que devem conter, no mínimo, um ingrediente típico da culinária tocantinense. Segundo o regulamento estão sendo analisados cor, sabor, aroma, textura, temperatura, originalidade, criatividade e apresentação.

Débora Almeida de Lima Oliveira que participa pela terceira vez consecutiva, apresentou um prato de origem na culinária xerente, com peixe pirarucu, leite de macaúba e pesto de mastruz, e disse que o festival atraiu muitos competidores. “Os pratos continuam muito bem elaborados, e a premiação é mais um incentivo nesse período difícil porque passa todos os brasileiros”, destacou.

Já a Tuanny Salissa Dutra participa pela primeira vez e levou aos jurados um hambúrguer com geleia de abacaxi no pão australiano. “Eu trabalho com hambúrguer há quatro anos e agora criei uma receita nova para poder concorrer, seguindo aquilo que todos gostamos, ou seja, comer bem”, disse.

Para a jurada Geruza Erig o Festival Gastronômico deste ano trouxe concorrentes muito mais empenhados, com pratos mais elaborados e sofisticados, com muito mais elementos regionais. “Eu fiquei surpresa com o nível muito alto”, disse ressaltando que trabalha com pesquisa da gastronomia e percebeu o quanto as pessoas estão empenhadas em mostrar a gastronomia regional.

Pratos de sexta, 09 de outubro

Prato Doce, a partir das 8h – Centro de Convenções

Nº Concorrente Prato Horátio
1 Carolina Almeida Lima Babarú - 8h
2 Marina Ruskaia Ferreira Bucar Torta Bananaru - 8h30
3 Tiago Rodrigues da Costa Cake Broca do Toca - 9h
4 Gessyane Amorim Martins Lima Tortinha de Babaçu - 9h30
5 Lara Jordane Alves Açai Recheado - 10h

Food Truck, a partir das 15h - Praia da Graciosa

Nº Concorrente Prato Horário
1 Jairo de Mesquita de Sousa Segredo Burger -15h
2 Luiz Philipe Haddad Araújo Crocks Bacon - 15h30
3 Suzana Lima Martins Crepe de Ouro Tocantinense - 16h
4 Aparecido dos Santos da Conceição Miracaxi - 16h30

Premiação

A premiação do FGT 2020 acontecerá nesta sexta-feira, 09, às 19 horas, na sede da Agtur e foi mantida como incentivo aos participantes, especialmente considerando o cenário de crise ocasionado pela pandemia do novo coronavírus (Covid-19), e será distribuída da seguinte forma: primeiros lugares de cada uma das cinco categorias receberão o valor de R$ 6 mil, os segundos colocados R$ 2 mil e os terceiros serão premiados com o valor de R$ 1 mil.